Subscribe via RSS

Sobre Amigos, Amor e Vinho

12 ago 2015

written by Memória Cinematográfica

Sobre Amigos, Amor e Vinho

Depois de passar pelo Festival Varilux de Cinema Francês, o longa-metragem “Sobre Amigos, Amor e Vinho” (“Barbecue”) chega aos cinemas brasileiros. Primeiro o longa passou em pré-estreia e neste fim de semana passa a abranger os demais locais, embora deva ficar em um circuito pequeno de exibição.

Na trama, Antoine (Lambert Wilson, de “Pedalando com Molière”, “Homens e Deuses”) sofre um infarto ao completar 50 anos e decide cuidar da saúde, o que come e olhar a família. Um dos pontos cruciais para este cuidado é não magoar os amigos e concordar com tudo o que eles propõem, mesmo não estando lá muito de acordo. Um regime completo.

Ele e os amigos decidem passar uns dias juntos em uma casa de campo. E, como é de se esperar, muitas contradições vão aparecer ao longo da jornada como se fosse uma verdadeira provação.

Os filmes franceses costumam explorar a convivência entre as pessoas, mostrar a realidade das famílias, como elas se comportam no dia a dia. Existe uma preocupação com a realidade, com o cotiano e, sobretudo, com as relações pessoais. O filme mostra bem isso.

O vinho, na trama, aparece, claro, durante as refeições dos amigos. Há, inclusive, uma sequência com a discussão sobre a procedência de algumas garrafas que os amantes da bebida vão se divertir.

O diretor Eric Lavaine, também coautor do roteiro ao lado de Hector Cabello Reyes, traz para o seu quinto longa diálogos bem construídos, um pouco de bom humor e muita, muita ironia no mais alto estilo francês.

“Sobre Amigos, Amor e Vinho” traz um olhar inteligente para o convívio entre amigos e desperta a necessidade de refletir sobre algumas ações de cada um –inclusive a necessidade de ajustar para o convívio feliz.


About the author

Read more posts by


Leave a comment

© 2017 Memória Cinematográfica